Latest news

O fim

Novo Saw V poster

Mais dois filmes para Rid...

Críticas pessoais- Hellbo...

Estreias nacionais

Novas imagens para Watchm...

Harry Potter and the half...

Ghost town poster

Star trek poster

Estreias nacionais

Sábado, 22 de Dezembro de 2007

Críticas pessoais- O tesouro: Livro dos segredos ( National treasure: Book of secrets )

Melhor: as interpretações do elenco, a história bem concebida

Pior: a mesma fórmula para este filme, a personagem de Ed Harris

 

Comentário

Depois de ter descoberto um dos maiores tesouros da história, o sobrenome da familia de Ben deixou de se descreditado, mas agora com o aparecimento de uma página perdida do diário de John Wilkes Booth- o lendário assassino do presidente Abraham Lincoln, tendo o nome do seu trisavó lá mencionado, podendo fazer parte dos conspiradores da morte do presidente. Ao ouvir isto, Ben não acredita e tenta fazer os possíveis para provar a inocência do seu trisavô. Mas quando Ben descobre uma cifra na página perdida, esta nova pista leva-o numa nova jornada pelo mundo à procura de um mitológico tesouro.

Para quem gostou do primeiro Tesouro, como é o meu caso, vai gostar deste segundo pois é mais do mesmo. Básicamente, é a mesma fórmula do primeiro filme, em que o sobrenome da familia de Ben é descreditado e ele tem que provar o contrário. Tudo começa quando a personagem Mitch Wilkinson ( Ed Harris ) apresenta uma página do diário do famoso assassino de Abe Lincoln referindo o nome de Thomas Gates ( trisavô de Ben ). Ele não quer acreditar e encontra um cifra escondida na página que o leva a Paris, mas precisa de ajuda...

Tudo acabou em bem no primeiro filme, Ben e Abigail acabam por ficar juntos e com uma mansão e Riley acaba por adquirir um fantástico Ferrari. Mas tudo o que estava em pleno ao fim desse primeiro filme, desmorona no início deste. Ben está separado de Abigail e a viver em casa do pai e Riley perdeu o seu Ferrari para o IRS. No entanto, Ben pede ajuda a Riley a provar a inocência do seu trisavô, mas isto leva-os a juntar-se a Abigail de novo.

Este segundo filme, torna-se numa procura internacional em que Ben e companhia viajam por Paris e Londres. Definitivamente, é mais do mesmo, com pistas incríveis, mais um vilão ( que a meu ver muito mau... ) e mais um grandioso tesouro. Toda gente assemelha estes filmes d'O tesouro aos de Indiana Jones. Não os censuro, Indiana Jones é um marco! Mas tal como gosto de Indiana Jones, também gosto deste Tesouro. É um filme de entretenimento que pode ter várias deficiências no guião, mas denota-se que não é o objectivo do filme ser digno de óscar, mas sim proporcionar um bom momento cinematográfico e diversão. Passei um bom bocado e quando pensei que o filme já estava a acabar, apareceu o intervalo!!! Ainda tinha mais uma hora de filme!

Novidades neste filme, sem dúvida as novas adições no elenco principal. Helen Mirren e Ed Harris, dois nomes de peso associam-se, trazendo novas características e novos desenvolvimentos, particularmente Helen Mirren, mãe de Ben que já não via o seu marido há 32 anos! Jon Voight e Helen Mirren fazem aqui uma dupla cómica. Já Ed Harris, mesmo tentando aqui arrancar mais uma grande interpretação, não o consegue devido à sua personagem completamente desequilibrada. Um vilão que está disposto a tudo para encontrar o tesouro, deixa um pouco a desejar no fim do filme.

Demoraram três anos a conceber uma nova história, sendo O tesouro de 2004, mas acabaram por fazer um filme digno do primeiro. Fica também em aberto um terceiro filme, que segundo Nicholas Cage gostava que fosse mais internacional ainda. Básicamente, é isto, quem gostou do primeiro vai gostar deste, quem não gostou, não vá ver, pois é mais do mesmo. Este é o tipo de filmes que se vai ver pelo divertimento, não pela sua base estrutural e qualidade de guião. Entrem na sala e deixem o cérebro à entrada!

 

'A man has only one life time. But history can remember you forever.'

Published by Dreamweaver às 13:31
Post link | Comment | Add to favorites
6 comentários:
De Hugo Gomes a 22 de Dezembro de 2007 às 21:30
Ainda não vi, mas tenho bilhetes para vê-lo, mas primerio tenho k ver Redacted, isso sim é k será um "bruto" filme. Gostei da tua critica, mas para ser sincero penso que a tua critica não está bem associada á pontuação.

Abraços cinéfilos
De Dreamweaver a 22 de Dezembro de 2007 às 22:56
Devia ter dado menos ou mais?
Abraço
De Hugo Gomes a 23 de Dezembro de 2007 às 00:54
Na tua critica contradizes muito, dizendo coisas como "mais do mesmo", "deixa o cerebro á porta", na tua critica presente-se que divertiste a ver o filme, mas que este não é nenhuma obra-prima nem algo do genero.

Por exemplo quando vou escrver uma critica, eu penso numa pontuação incial, mas já aconeteceu caso em que eu diverti a ver um filme e que para o papel não consegui transmitir essa mesma sastifação. Por exemplo; Underworld, Transfomers, Ice Age 2.

Atenção, não estou a dizer que deves escrever uma critica assim ou assado, tu gostaste do filme, e sentiu-se isso e muito bem.

Cumprimentos cinefilos e um FELIZ NATAL
De Dreamweaver a 23 de Dezembro de 2007 às 13:36
Quando disse 'mais do mesmo', não o disse num tom depreciativo, pois se gostei do primeiro tb gostei do segundo. Quanto ao deixar o cérebro à porta, é mais um expressão que tem como sentido uma e única coisa: existem filmes que dá para reflectir, tem questões que nos levam a pensar em certas situações, este filme é puro divertimento e quem pensa que vai ver um filme de culto, está redondamente enganado. Por isso, eu disse que deixássem o cérebro à porta e deliciem-se ao máximo com duas horas de acção, aventura e comédia. Provavelmente n utilizei os melhores termos, mas a minha pontuação está adequada para aquilo que eu senti em relação ao filme.
Feliz Natal para ti tb e cheio de prendas!
Abraço!
De Hugo Gomes a 24 de Dezembro de 2007 às 00:19
As votações do evento criado neste blog – Cinebloggers Awards – dão como terminado. A votação é um sucesso e recebi várias indicações de blogs de cinema que nem eu conhecia e isso é de facto notável. Agradeço a todos que participaram, um muito obrigado, e espero que para o ano continuo com outra votação deste género. Vejamos os nomeados de cada categoria, relembro que neste momento só poderão votar num de cada que estejam incluindo na lista.
E os nomeados são;
http://cinematograficamentefalando.blogs.sapo.pt/94523.html

PS - Moving PIctures conta com uma nomeação


FEliz Natal, amigo
De Hugo Gomes a 29 de Dezembro de 2007 às 00:31
Já o vi e tinhas razão, é mais do mesmo.

lé a minha critica e verás

Comment post

Author

Search

 

Setembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Filme da semana